Aprenda mais sobre a madeira Angelim

Nome vulgar: Angelim

Nome científico: Vatairea heteroptera Ducke

Família: Fabaceae

 

Caracterísitcas Gerais:

 

Madeira pesada e dura ao cone; cerne de cor castanho-amarelado quando recém polido, escurecendo para castanho escuro-amarelado com exposição ao ar, diferenciado do alburno de cor branco-rosado, com aproximadamente 4,0 cm de largura; textura grossa; grã irregular; superfície áspera ao tato; cheiro imperceptível; gosto fortemente amargo; aspecto fibroso acentuado.

 

Características Anatômicas:

 

Parênquimas axial visível a olho nu; aliforme de extensão losangular com aletas curtas, às vezes formando confluências oblíquas e, ainda, o marginal em linhas muito finas, unissefiadas, interrompidas; óleo-resina e cristais de oxalato de cálcio em células subdivididas presentes. Poros/vasos visíveis a olho nu; solitários predominantes (80%), múltiplos de 2 a 3; grandes, média de 240 mm de diâmetro tangencial; muito poucos, média de 3 poros por mm²; placa de perfuração simples; elementos vasculares cudos, média de 420 mm de comprimento; pontuações intervasculares circulares a ovaladas, guarnecidas, pequenas, média de 7 mm de diâmetro tangencial; óleo-resina presente. Paios distintos sob lente no topo e nas faces longitudinais, a maioria bisseriados, raros trisseriados; poucos, média de 5 raios por mm; extremamente baixos, média de 0,46 mm de altura e média de 20 células de altura; heterocelulares; pontuações radiovasculares do mesmo tipo das intervasculares; pouco óleo-resina presente; fibras libriformes; longas, média de 1,73 mm de comprimento. Camadas de crescimento fracamente delimitadas pelas linhas do parênquima marginal e por uma faixa estreita de fibras mais achatadas.

 

Durabilidade Natural:

 

A madeira de Angelim, em ensaios de laboratório, demonstrou ser de alta resistência ao ataque de organismos xilófagos.

 

Tratamento Preservante:

 

A madeira de Angelim, em ensaios de laboratório, em tratamento sob pressão, demonstrou ser moderadamente permeável às soluções preservantes.

 

Principais Aplicações:

 

A madeira de Angelim, por ser pesada e de propriedades mecânicas altas, pode ser usada para acabamentos internos, construções externas, esquadrias, folhas faqueadas, tacos e tábuas para pisos, vagões, carrocerias, dormentes, etc.

Fonte: www.madezapi.com

 

TELEVENDAS: (24) 3324-2662 • Entregas em Barra Mansa, Volta Redonda, Resende, Porto Real, Barra do Piraí e todo Sul Fluminense - RJ Desenvolvido por LogoMídia